Com retomada da economia, Teresina ganha mais um coworking

Com retomada da economia, Teresina ganha mais um coworking

A retomada da economia com o avanço da vacinação está fazendo novamente os profissionais liberais deixaram o home office e voltarem aos escritórios. Esse novo cenário incentivou o surgimento de mais um coworking em Teresina. Na noite desta terça-feira, 05, foi inaugurado no bairro Horto Florestal o coworking Prospperar.

A abertura do novo espaço consolida a tendência dos escritórios compartilhados no mundo. Atraídos pela redução de custos, garantia em ofertar atendimentos a clientes em espaços organizados e com boa estrutura e networking, profissionais liberais ou em início de carreira estão aderindo à modalidade.

Fotos divulgação

O Prospperar funciona em um prédio de três andares, onde no térreo fica o escritório do dono, o auditor independente Jorge Ivan, e no segundo piso uma sala de estudo compartilhada, que também é outra modalidade que vem crescendo nos últimos anos. O último piso passa agora a ser usado para escritórios profissionais.

O coworking possui 23 cabines (que ficam em duas salas), quatro salas individuais, uma sala de treinamento com capacidade para 25 pessoas e uma sala de reunião para seis pessoas. Além disso, há uma copa e banheiro, com café e água e serviço de secretária. Todos os espaços são climatizados.

“Os cowrorkings vieram para ficar e o custo/benefício compensa. Com a retomada da economia, vários profissionais que estavam no home office estão voltando aos escritórios, e compartilhar espaço traz uma grande redução de custos”, diz Jorge Ivan.

No Brasil

Segundo o último Censo Coworking Brasil, realizado em 2019, existem cerca de 1.500 espaços compartilhados em quse 200 municípios do Brasil. O levantamento apontou que 78% oferecem endereço fiscal, 45% têm comércio de produtos de alimentação e 26% vendem inclusive bebidas alcoólicas. Sala de reuniões é a campeã em termos de estrutura obrigatória, estando presente em 98% dos espaços. Não há estimativa de quantos coworkings existam no Piauí.

Deixe um comentário